Blog do site VIVACOMLINFEDEMA.com

Linfedema no Discovery Channel – Histórias Incríveis

PhotobucketHello People!!!!!

Como vão vocês?

Semana passada eu estava vendo TV, e, na sorte, peguei o programa Histórias Incríveis do Discovery bem no início. O tema era algo que eu jamais imaginaria ver no Discovery: LINFEDEMA!!!!!!

Bem, como não poderia deixar de ser, o início da história é bem dramático e um pouco apelativo, mas ao longo do programa as coisas vão ficando mais interessantes para nós, portadores de linfedema.

Eu tentei achar o programa no youtube e postar aqui no blog, mas não encontrei. Sendo assim, vou fazer um breve resumo para quem não viu, e assim que eu souber quando vai repetir, eu mandarei um e-mail para vocês.

Trata-se de uma mulher de quase 40 anos de idade chamada Vicki que tem  linfedema primário, congênito dos dois membros inferiores, sendo que o edema pior é do membro esquerdo. Ela tem uma filha e vive com um namorido em Miami, na Flórida (Estados Unidos).

Pelo que diz no documentário, Vicki parece já ter nascido sem os gânglios das pernas (ou com poucos gânglios, não sei bem), mas o inchaço começou por volta dos 2 anos de idade, época em que, segundo a mãe de Vicki, ela sofreu um acidente doméstico em que o armário caiu em cima da criança. A mãe de Vicki supõe que isso tenha desencadeado o inchaço inicial, mas elas não têm certeza disso.

O fato é que, devido a sua baixa condição financeira ela não se cuidou e, com isso, o edema se transformou em enormes deformidades cheias de infecções. Porém, pelo que diz no documentário, Vicki já havia recebido tratamento gratuito, mas não prosseguiu pois não teve condições psicológicas para continuar.

Desta vez, a Discovery ajudou Vicki a procurar tratamento mais uma vez. Ela entrou em contato com um médico sueco que criou um método de lipoaspiração para diminuir o edema e com uma clínica especializada em linfedema em sua cidade (Miami). Ela optou pelo tratamento convencional (a Terapia Descongestiva, ou Terapia Física Complexa) oferecido pela clínica em Miami. Pelo que pude ver no documentário, parece que ela fez o tratamento da TFC (Terapia Física Complexa), qua consiste em drenagem linfática manual, aliada a enfaixamento, exercícios e cuidados com a higiene.

E os resultados foram ótimos!!!! Ela conseguiu reduzir bastante o edema, passou ater mais agilidade, deixou a bengala de lado, melhorou a autoestima. Acontece que o edema de Vicki ainda poderia reduzir muito até chegar a uma tamanho razoável, com menos infecções,  e mesmo depois de bem reduzido,  as drenagens, enfaixamento e uso de meias deveriam continuar para toda a vida. Entretanto, não sabemos se ela continuou com o tratamento.

Segundo o que mostra na reportagem, Vicki já recebera este tratamento anteriormente, mas não prosseguiu e se descuidou deixando o linfedema aumentar. Ela desenvolveu uma espécie de relação doentia com sua própria condição, a ponto de rejeitar ajuda.

Parece que o grande desafio de Vicki é resolver seu problema psicológico, pois isso  impede que ela continue o tratamento e a faz voltar para a situação de pessoa pobre, desempregada com uma perna que a impede de ter uma vida normal, trabalhar e ganhar dinheiro para se sustentar. Este ciclo deve ser quebrado, mas pra isso ela vai ter que ter consciência de que não é fácil manter a perna saudável, pois sabemos que a Terapia Física Complexa nos leva muito tempo e paciência ( muitas vezes dinheiro também, porém, no caso dela,   já conseguiu tratamento gratuito), mas é necessário. É chato, cansativo, mas é a única alternativa.

Esse documentário, a meu ver, é bem interessante, pois, apesar de enfatizar a parte ” bizarra”, que é a que dá audiência, a que interessa ao público em geral, ela mostra direitinho o que é um linfedema, como é o tratamento padrão disponível no mundo atualmente, mostra a gravidade do problema se não for adequadamente tratado, mostra os conflitos psicológicos que a pessoa com linfedema sofre. Muitos médicos e fisioterapeutas dão as explicações sobre o assunto… enfim, mostra ao mundo que este é um problema que existe e que as pessoas com linfedema precisam de cuidados.

Se alguém souber quando irá repetir, por favor postem aqui ou me mandem um e-mail!

sites das clínicas que aparecem na matéria :

Department of Plastic and Reconstructive Surgery
www.plasticsurg.nu
Lymphedema expert in Sweden.

The Academy of Lymphatic Studies
www.acols.com
Lymphedema experts in Florida, USA.

Lymphatx
www.lymphatx.com
Lymphedema treatment centre in Florida, USA.

Site oficial da Vicki Borken:

Lá você encontrará tudo sobre a Vicki, as matérias e vídeos em outras redes de TV.

http://vickiborken.com/

Grande abraço a todos,

PAZ, AMOR, E MUITA FORÇA DE VONTADE PARA TODOS VOCÊS!
Photobucket

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Todas as informações contidas tanto no site quanto no blog e no fórum do vivacomlinfedema.com.br visam ajudar e orientar pessoas com linfedema a conviverem da melhor forma possível com a doença. A autora de todo o conteúdo relacionado ao referido site, blog e fórum não é médica nem fisioterapeuta e objetiva apenas compartilhar suas experiências como portadora de linfedema. O site, o blog e o fórum do vivacomlinfedema.com.br não se responsabilizam por informações indevidamente prestadas por médicos e fisioterapeutas cadastrados na lista de busca do site, ficando a cargos destes a responsabilidade de honrar seus compromissos técnicos e éticos para com a sociedade. Feitas tais considerações, o vivacomlinfedema.com.br alerta: O MÉDICO ESPECIALISTA DEVERÁ SEMPRE SER CONSULTADO.